Programação Geral de DEZEMBRO | 2014


03/12 (Quarta-feira)
MÚSICA
18h - Kim Freitas
Guitarrista, compositor e arranjador paraense, Kim apresenta show de música instrumental com “fusion” (jazz/rock) e “música brasileira”, onde traz releituras em novas versões e arranjos, além de composições autorais.


04/12 (Quinta-feira)
MÚSICA
18h - Grupo “O Campo e a Cidade” (SP/PA)
Formado por Neto Rocha (violão e guitarra), Marcello Gabbay (banjo, baixo e teclado) e Carlos “Canhão” Brito (bateria e percussão), para o show do Sesc, o grupo contará com a participação especial de Rafael Azevedo (baixo e violão). No repertório, músicas inéditas de seu primeiro CD, mescladas a músicas do cancioneiro latino, português e francês.


05/12 (Sexta-feira)
TEATRO
10h e 16h - Espetáculo "O que podemos contar"
Trupe de Experimento (RJ)
Uma fábula de Marco dos Anjos que, de forma divertida e emocionante, narra o casual encontro de Nina com Sem História, contando como ele percebe que, para se tornar um adulto, não é preciso romper laços com a memória. Uma fábula sobre amadurecimento, família e amizade.
MÚSICA
18h - Vinil Laranja
Banda de rock alternativo com identidade sonora e uma marcante atitude rock’n roll que pontuam a música brasileira feita com competência. Formada por Andro Baudelaire, Bruno Folha, Saul Smith e Lucas VH, a banda foi fundada em 2004.


06/12 (Sábado)
TEATRO
10h - Espetáculo "O que podemos contar"
Trupe de Experimento (RJ)
(Veja o dia 05/12)
MÚSICA
17h - Toni Soares
Músico e compositor paraense apresenta show de lançamento de seu mais novo trabalho, intitulado “Marujada”, marcando o início da celebração de sua trajetória musical com o projeto “Toni Soares – 30 anos de música”.


07/12 (Domingo)
LITERATURA
10h - "A primavera da lagarta" por Marluce Araújo          
A história conta de forma divertida e reflexiva as fases de uma lagarta, que por ser muito comilona e por estar acabando com todas as folhas da floresta, faz com que a Formiga, o Louva-a-deus, o Camaleão e o Caracol decidam acabar com ela, já que só trazia prejuízo para todos. Mas chegou a primavera, e a lagarta desapareceu.


09/12 (Terça-feira)
MÚSICA
18h - Coral do Sesc e Coral do Programa "Trabalho Social com o Idoso"
A apresentação contará com dois corais que foram montados e regidos pela professora e maestrina Dulce Cunha. O primeiro, formado por servidores do Serviço Social do Comércio-Sesc Pará; e o segundo, resultante do programa de formação na área musical, desenvolvido com o grupo que faz parte do trabalho social com os idosos da instituição.
CINEMA
18h - Lançamento do filme “Revelações”
Curta-metragem que aborda  temas sociais e o cotidiano de seus personagens em forma de ficção. A trama mostrará de forma sutil e diferenciada os bastidores do processo criativo e o dia-a-dia das atividades e projetos realizados no Centro Cultural Sesc Boulevard.


10/12 (Quarta-feira)
CINEMA
18h - Palestra "Cinema, Ciência e Tecnologia", com Arnaldo Prado Correa Jr. 
Análise do filme "Árvore da vida", de Terrence Malick 
MÚSICA
18h - Lucas Imbiriba
Violonista paraense apresenta show aliando uma técnica brilhante e grande musicalidade adquirida ao longo de anos de estudos na Espanha, Alemanha e Áustria. Atualmente, o músico reside na cidade de Munique, Alemanha,  e é considerado um dos mais novos talentos de nossa região.


11/12 (Quinta-feira)
MÚSICA
18h - Cronistas da Rua
Com a intenção de disseminar a cultura hip hop e a sonoridade peculiar da Amazônia, o duo formado por Dime Cronista (voz) e Alonso Nugoli (beatbox) lança seu primeiro trabalho, intitulado “Tekoha”, em nove faixas autorais numa estética sonora que passeia pelo rap, reggae, samba e brega, aliados à música eletrônica, ao beat Box e ao flow (jeito de rimar).


12/12 (Sexta-feira)
MÚSICA
18h - Pio Lobato
Guitarrista paraense apresenta show reunindo composições autorais de seu primeiro trabalho solo. O músico é pioneiro no estudo da “guitarrada”, gênero surgido nos anos 70 da fusão  original  de choro,  merengue e  jovem-guarda, criado por Mestre Vieira.


13/12 (Sábado)
LITERATURA
11h - "O PrÍncipe Cinderelo",  por  Gil Ganesh
Cinderelo não tinha sorte e vivia trabalhando para os irmãos enormes e peludos, até que uma fada muito atrapalhada aparece para melhorar (ou piorar) a situação dele.
CINEMA
16h - A memória que me contam
Dir.: Lúcia Murat
Brasil | 95 min | 14 anos
Um drama irônico sobre utopias derrotadas, terrorismo, comportamento sexual e a construção de um mito. Um grupo de amigos que resistiram à ditadura militar, acompanhados de seus filhos, vão enfrentar o conflito entre o cotidiano de hoje e do passado quando um deles está morrendo.
MÚSICA
17h - Lucas Guimarães
Uma das boas promessas da novíssima safra da música paraense, o músico e compositor, vindo da região nordeste do Pará, apresenta o show “Caliandares-Um violão, Dez Canções e uma Mala”, carregando consigo a calma e a delicadeza de quem veio de lugar e tempos outros, reunindo composições de seu primeiro álbum a ser lançado. 


14/12 (Domingo)
CINEMA
10h - Diário de uma busca
Dir.: Flávia Castro
111 min | 10 anos
Outubro, 1984. Celso Castro, jornalista com uma longa história de militância de esquerda, é encontrado morto no apartamento de um suposto ex-oficial nazista. O episódio, digno de um filme de suspense, é o ponto de partida de Flávia, filha de Celso e diretora do filme, que decide reconstruir a história da vida e da morte do homem singular que foi o seu pai. É uma viagem no tempo e na geografia: a diretora volta a Porto Alegre, Santiago, Buenos Aires, Caracas e Paris, cenários do exílio familiar, da ilusão e do fracasso de um projeto político. As vozes imbricadas de Celso (de suas cartas) e de sua família constroem um retrato íntimo de uma relação marcada pela história e pela ausência.


16/12 (Terça-feira)
FOTOGRAFIA
18h - CAFÉ FOTOGRÁFICO: Diálogos Narrativos entre Fotografia e Cinema, com Jorane Castro.
(parceria com a fotoativa)
O Café Fotográfico deste mês será em torno da ideia de concepção  audiovisual, onde a criação fotográfica acompanha a criação narrativa do próprio filme. A discussão será em torno da forma de pensar e utilizar a fotografia como elemento narrativo principal e não apenas como uma imagem bem elaborada.
Serão exibidos trechos dos seguintes filmes, escritos e dirigidos por Jorane Castro: Invisíveis Prazeres Cotidianos (documentário, 2004, 26 minutos), Ribeirinhos do Asfalto (ficção, 2011, 26 minutos), Lugares do Afeto – A fotografia de Luiz Braga ( documentário, 2008, 72 minutos).


17/12 (Quarta-feira)
MÚSICA
18h - Ópera Estúdio
Parceria: Fundação Carlos Gomes


18/12 (Quinta-feira)
DANÇA
18h - Espetáculo de Dança Oroboro
Cia. Mov_Ola (SP)
Oroboro, palavra de origem grega, cujo símbolo é representado por uma serpente que morde a própria cauda, revela uma imagem cíclica, sem começo ou fim. Por meio da dança, o espetáculo trata sobre a ligação entre a infância e a velhice, dois lugares distantes  e ao mesmo tempo tão próximos.
Coreografia de Alex Soares


19/12 (Sexta-feira)
DANÇA
18h - Espetáculo de Dança Oroboro
Cia. Mov_Ola (SP)
(Veja o dia 18/12)


20/12 (Sábado)
LITERATURA
11h - Zezé Caxiado conta a "Lenda do tambor africano"
Dizem na Guiné que a primeira viagem à Lua foi feita pelo macaquinho de nariz branco. Certo dia, os macaquinhos de nariz branco resolveram fazer uma viagem à Lua a fim de trazê-la para Terra. Mas o que houve  quando ele chegou lá?  Só você vindo ouvir este conto africano para saber.
CINEMA
16h - Hoje 
Dir.: Tata Amaral
Brasil | 87 min | 12 anos
Vera é uma ex-militante política que recebe indenização do estado brasileiro em decorrência do desaparecimento de seu marido, vítima da repressão provocada pela ditadura militar. Com o dinheiro, ela consegue comprar o tão sonhado apartamento próprio e, finalmente, ser reconhecida como viúva. No dia de sua mudança, recebe uma visita inesperada que altera a sua vida.
MÚSICA
17h - Almir Morrison
Cantor e compositor paraense, um dos fundadores do grupo “Clube do Camelo” apresenta show reunindo composições autorais e em parceria, celebrando anos de trajetória musical na cidade de Belém.


21/12 (Domingo)
CINEMA
10h - Meu amigo Storm
Dir.: Giacomo Campeotto
Portugal | 86 min | Livre 

Aquele era o amigo que Freddie precisava. Ele tinha o pai, mas não queria preocupá-lo com seus problemas. Aos poucos, fica claro que Storm não era um cachorro comum, e que assim como Freddie, ele não tinha habilidades especiais. Foi um longo e difícil caminho até que os dois pudessem ficar juntos e mostrar o que eram capazes de fazer. 

19 comentários:

  1. queria tanto ver o teatro hoje :(

    ResponderExcluir
  2. SÓ COISA BOA PARA CURTIR DEPOIS DA CHUVA NOTURNA.

    ResponderExcluir
  3. FOI 10 !

    Joanna Di Ângelis e Tynnôko Costa fizeram tributo aos Beatles no Sesc Boulevard hoje.


    Karina Tavares.

    ResponderExcluir
  4. Lugares como Sesc Boulevard, deveriam ter uma divulgação maior, pois só tem programações boas e para todos os gostos e estilos. PARABÉNS PELA ORGANIZAÇÃO."A CULTURA AGRADECE".

    ResponderExcluir
  5. Parabéns a toda equipe de colaboradores, sobretudo aquele que estão pelos bastidores dos espetáculos do Sesc Boulevard Belém e por permitirem e proporcionarem essa gama de possibilidades artisticas ao público paraense...... Vejo que a cada mês a programação é recheada de arte contemporanea.. MÚSICA, TEATRO, CINEMA, nas suas mais diversas faces. Enfim, meus parabésn, continuem assim... Abraço

    ResponderExcluir
  6. Excelente programação! Prabéns.

    Nesse mês não teremos nenhuma oficina?

    ResponderExcluir
  7. Olá! Terão oficinas agora no mês de dezembro?

    Atenciosamente,

    ResponderExcluir
  8. Para o teatro precisa pegar algum ingresso antecipado?

    ResponderExcluir
  9. é gratuita essas programações?

    ResponderExcluir
  10. E a programação de Janeiro? Alguém sabe me informar?

    ResponderExcluir
  11. A criação deste espaço de cultura e diversão é excelente. Parabéns!!!

    ResponderExcluir
  12. A programação está super interessante, como sempre o SESC mostrando a nata da cultura Paraense, parabens ao SESC e aos Paraenses que desfrutam desta magnifica programação.

    ResponderExcluir
  13. Show de Gigi Furtado está perfeito. Vale muito a pena conferir.

    ResponderExcluir
  14. Já estou viaciada com as programações do SESC que é tudo de bom antes de qualquer programação noturna em Belém. Parabéns equipe do SESC que está nos dando a oportunidade de conhecer os nossos valores musicais e artísticos.

    ResponderExcluir
  15. O show do Engole Cobra vai bombar no dia 10/07, espero todos lá!!

    ResponderExcluir
  16. a entrada é franca para todos os dias da programação ?

    ResponderExcluir
  17. Sim, as programações no sesc Boulevard são sempre gratuitas.

    ResponderExcluir
  18. A ELLEN OLERIA TEM UMA VOZ MARAVILHOSA.

    ResponderExcluir

Topo da Página ↑