Programação Geral de JULHO| 2014


01/07 (Terça-feira)
LITERATURA
19h - "Sarau Ay Kakyri Tama: Eu moro na cidade" com Marcia  Cambeba com participação especial de "Ivan Cardoso e Paulinho Mururé".
Como elemento de afirmação étnica e identitária, o grupo apresenta músicas indígenas em português, na língua nheengatu e na língua do povo Kambeba tronco Tupi. No show, o grupo mostra um repertório de canções que possuem um apelo ambiental e trazem uma influência da musicalidade paraense.     


02/07 (Quarta-feira)
CINEMA
19h - “Le jour des
Corneilles”
(O dia dos corvos)
Dir: Jean-Christophe Dessaint
2012 | Livre | 1h36min
Conta a história de um menino chamado Courge criado por seu pai (um Ogro). Ambos vivem sozinhos no interior de uma floresta, e os únicos amigos do garoto são alguns espíritos que habitam a região. Um dia, ele é forçado a ultrapassar os limites da selva e se aventurar pelo vilarejo, onde acaba conhecendo a menina Manon, por quem se apaixona.
MÚSICA
19h - Camilo Salgado e Grupo
Guitarrista paraense, Camilo Salgado tocou durante muitos anos na banda Beatles Forever. Agora em carreira-solo, formou um grupo para tocar covers de bandas dos anos sessenta, setenta e oitenta. A estréia será no Sesc Boulevard.


03/07 (Quinta-feira)
MÚSICA
19h - Ciça Luna
Baiana criada no Rio de Janeiro, onde se formou como cantora lírica, Ciça de Luna gravou um CD de nome “Waldemar Caymmi”, onde presta tributo aos compositores Waldemar Henrique e Dorival Caymmi. O repertório do disco será o mesmo do show.


05/07 (Sábado)
LITERATURA
11h - “As Filhas da Matinta” por Joca Monteiro, o contador de História (AP)
A história de Matinta Pereira é recontada de forma inovadora, com base em relatos dos índios das tribos Galibi Maruorno e Palikurs do Município de Oiapoque/AP. Joca Monteiro é o autor e contador da história. A contação mergulha no misticismo e na história dessas etnias, que promete encantar a plateia de forma eloquente com adereços indígenas como fazem os pajés.


06/07 (Domingo)
TEATRO INFANTIL
11h - “Quem vai levar Mariazinha pra passear”,
com Desabusados Cia
Dois anjos curiosos resolvem descer das nuvens para conhecer os homens, mas quando conseguem chegar a terra, uma chuva grossa os impede de sair. Eles fazem a Mariazinha e pedem que ela passe a chuva. Enquanto esperam, contam a história “O mito de Eros e Psique”, tendo como protagonista a Mariazinha Psiquê. Classificação: Livre
CINEMA
16h - Medianeras
Dir: Gustavo Taretto
2011 | 16 anos | 1h35min
Martin (Javier Drolas) está sozinho, passa por um momento de depressão e não se conforma com a maneira com a cidade de Buenos Aires cresceu e foi construída. Web designer, meio neurótico, pouco sai e fica grande parte do tempo no computador. É através da internet que conhece Mariana (Pilar López de Ayala), sua vizinha também solitária e desiludida com a vida moderna numa grande cidade.
MÚSICA
17 - Danny Lucio
Violonista, compositor e arranjador, Danny Lucio mostrará suas últimas composições, recebendo, ainda, alguns instrumentistas convidados.


10/07 (Quinta-feira)
PROGRAMAÇÃO ESPECIAL
ENGOLE COBRA:
Sonoridades e memórias do rio Tocantins
18h30 - Bate-papo com Mestre Vital I
(mediação de Viviane Menna)
19h30 - Apresentação do Banguê Engole Cobra
São múltiplas as expressões culturais encontradas nas ilhas e vilas situadas às margens do rio Tocantins: cordões de mascarados, grupos de samba de cacete e de banguê. Desde os anos 60, Mestre Vital I, luthier e “cantador”, como se denomina, participa de algumas dessas manifestações. Com muita inventividade, em meados de 90, inspirado na estética do movimento Caras-Pintadas, ele fundou o banguê ecológico Engole Cobra, para cantar a mitologia amazônica e protestar contra a devastação e a corrupção. Com o objetivo de difundir essas culturas das “margens” do Pará, o Sesc Boulevard recebe Mestre Vital Batista para um bate-papo sobre as manifestações culturais e artísticas do seu local de origem e apresentação musical. O evento é realizado em parceria com a Faculdade Estácio/FAP.


11/07 (Sexta-feira)
MÚSICA
19h - Renata Del Pinho
Cantora compositora paraense, Renata Del Pinho é um dos bons nomes da nova geração de artistas da terra, com importantes participações em festivais e discos. Seu show Tracajazz tem a direção do guitarrista Bob Freitas.


12/07 (Sábado)
LITERATURA
11h - “Vamos brincar com palavras?” com Adrine Motley.
O convite lançado é uma maneira de instigar crianças, jovens e adultos a vivenciarem o lúdico presente nas narrativas em prosa ou em verso. A magia presente nas palavras que contam histórias e poesia estará presente nesta apresentação. São histórias de toda parte entremeadas aos poemas de Vinícius de Moraes, Cecília Meireles, Heliana Barriga e Antonio Juraci Siqueira, que fazem desta manhã um momento mágico como passaporte para adentrar o universo infantil e, a partir de então, tê-las como companhia em nossa memória. E então, vamos brincar com palavras?
CINEMA
16h - Pina
Dir. Wim Wenders
2011 | 16 anos | 1h46min
Um espetáculo de dança e teatro inspirado pelo trabalho da coreógrafa alemã Pina Bausch, ressaltado em seus detalhes, formas e cores através da tecnologia 3D. O espetáculo é estrelado por dançarinos da cidade de Wuppertal e seu entorno, local de origem de Pina e por ela considerado como sua força criativa.
MÚSICA
17h - Fabrício dos Anjos
Cantor-compositor com discos gravados e várias participações vitoriosas em festivais, Fabricio dos Anjos constitui-se num dos artistas paraenses mais conhecidos da noite. E quer mostrar material novo ao público.


15/07 (Terça-feira)
LITERATURA
19h - Sarau “Poéticas da Amazônia” com Grupo Griô.
Certa vez caminhando três dias e três noites pelo mato sem parar me deparei com o danado do Curupira. Corri, e então vi uma alma danada, era ela a Matinta. Permaneci confiante, afinal eu tinha a pedra verde da felicidade, meu Muiraquitã. Naveguei. Ganhei um pé de Tambatajá, mais adiante eu desci o Paraná e um caboclo que remava não parava de falar, me contou que pegou o Uirapuru! Segui em frente. Dancei a noite inteira com um belo rapaz, mas ele ligeiro sumiu. Foi sonho? Foi fato. Mandei Mensagens aos Bruxos, e nesse momento três caroços de Açaí caíram do céu: um foi para quem contou essa história a você, o segundo foi para os Poetas que escreveram essa história para você e o terceiro será  para você que a contará para todos. O convite foi feito, então vinde aquecer-se de Poemas e Contos amazônicos com o Grupo de Contadores de Histórias Griô. E No final da apresentação haverá um bate-papo com o Grupo Griô.


16/07 (Quarta-feira)
CINEMA
19h - Lançamento de 3 filmes NUPA/UFPA
Fotografia de Rua, de Ocimar Falcão (doc.); Trágico-Iverossímil, de Felipe Cosmo (Curta); e Parada solicitada, de Regis (doc.)
MÚSICA
19h - Sérgio Ávalos
Violonista argentino de muito talento, Sérgio Avalos pretende mostrar composições que farão parte de seu primeiro disco e outras que registrou ao lado de Sebastião Tapajós.
PALCO GIRATÓRIO
19h30 - Gaiola de Moscas
Grupo Peleja (PE)
Classificação: Livre
Local: CASTANHAL, no Auditório da Catedral Santa Maria Mãe de Deus
O Grupo Peleja se formou em 2004, em Campinas (SP), a partir do interesse pela manifestação popular do Cavalo Marinho e pelo treinamento do Grupo Lume Teatro. Em 2008, mudou-se para Pernambuco, onde estruturou seu trabalho entre a dança, o teatro e as culturas populares em colaboração com artistas de diversas partes do Brasil.
Zuzé é um curioso comerciante, vendedor de cuspes que, para salvar os negócios, torna-se vendedor de moscas. Sua mulher, cansada das ideias do marido, encanta-se por um forasteiro vendedor de “pintadas” de batons. A encenação envolve o espectador em um universo de precariedade e alegria em que os personagens sobrevivem entre destroços e sonhos. Adaptado do conto homônimo do escritor moçambicano Mia Couto, Gaiola de moscas é um espetáculo inspirado na brincadeira popular pernambucana do Cavalo Marinho.


17/07 (Quinta-feira)
PALCO GIRATÓRIO
20h - Gaiola de Moscas, com Grupo Peleja (PE)
(Veja o dia 16/07)
Classificação: Livre
Local: TEATRO MARIA SYLVIA NUNES
(Estação das Docas)


18/07 (Sexta-feira)
MÚSICA
19h - Renata Del Pinho
(Veja o dia 11/07)
PENSAMENTO GIRATÓRIO
19h - Processos criativos em trânsito entre o singular e o coletivo, com Grupo Peleja (PE)
O Grupo formado por integrantes de diferentes formações, cidades, diferentes interesses artísticos e as questões e descobertas relacionadas a um fazer artístico pautadas no corpo constituem uma rede que agrega as singularidades de cada um deles. Como os possíveis diálogos linguagens que permeiam o trabalho do grupo e quais os procedimentos e metodologias de criação que potencializam seu fazer artístico? Ao lançar perguntas como estas, buscaremos compartilhar com o público os modos de fazer dança e teatro entre linguagens artísticas, entre cidades, entre individualidades e coletividade.


19/07 (Sábado)
LITERATURA
11h - “Simbad”, com Gil Ganesh.
Karim Jabbar, o comerciante de tapetes, nunca deixa seus clientes sem uma boa história e conta a do grande mercador, Sindebar Marinho, e suas aventuras em alto mar.
CINEMA
16h - Marighella
Dir: Isa Grinspum Ferraz
2012 | 16 anos | 1h40min
Carlos Marighella foi o maior inimigo da ditadura militar no Brasil. Este líder comunista e parlamentar foi preso e torturado, e tornou-se famoso por ter redigido o Manual do Guerrilheiro Urbano.
MÚSICA
19h - Camilo Salgado e Grupo
(Veja o dia 02/07)


20/07 (Domingo)
TEATRO INFANTIL
11h - O Conto que eu vim contar
In Bust Teatro com Bonecos
Direção: Anibal Pacha
Numa fazenda no Marajó, seu Bastião, um homem muito brabo, tem uma filha linda, Hosana, que sonha ser chamada de mãe, mas que é proibida de sair pelo pai. Mas, nesse lugar cheio de encantos vivem muitas criaturas, inclusive... O Boto.
Classificação: Livre
CINEMA
16h - No
Dir: Pablo Larraín
2012 | 16 anos | 1h57min
Chile, 1988. Pressionado pela comunidade internacional, o ditador Augusto Pinochet aceita realizar um plebiscito nacional para definir sua continuidade ou não no poder. Acreditando que esta seja uma oportunidade única de pôr fim à ditadura, os líderes do governo resolvem contratar René Saavedra (Gael García Bernal) para coordenar a campanha contra a manutenção de Pinochet. Com poucos recursos e sob a constante observação dos agentes do governo, Saavedra consegue criar uma campanha consistente que ajuda o país a se ver livre da opressão governamental.
MÚSICA
17h - Danny Lucio & Clave da Lua
(Veja o dia 06/07)


23/07 (Quarta-feira)
MÚSICA
19h - Sérgio Ávalos
(Veja o dia 16/07)


24/07 (Quinta-feira)
TEATRO
19h - Mansos da terra
Grupo Palha
Direção: Paulo Santana
A obra dramática aborda as antíteses: a Morte versus a Vida e o Bem versus o Mal, onde ninguém consegue fugir de seu próprio destino.
Classificação: 16 anos


25/07 (Sexta-feira)
TEATRO
19h - Mansos da terra
Grupo Palha
Direção: Paulo Santana
Classificação: 16 anos
(Veja o dia 24/07)


26/07 (Sábado)
LITERATURA
11h - “Histórias para rir e pensar”, com Simpirilim
Histórias que falam de valores humanos, ensinam a lidar com as diferenças e sobre a importância da partilha, sempre estimulando o riso e a reflexão sobre os temas abordados.
MÚSICA
17h - Pedro Cesar (AM)
Cantor compositor nascido em Parintins, Pedro Cezar morou em Belém durante 20 anos. Foi estrela dos bares musicais da cidade nas décadas de setenta e oitenta. Hoje residindo em Manaus, apresentará as canções que integram seu mais novo CD, gravado na capital do Amazonas.
TEATRO
19h - Mansos da terra
Grupo Palha
Direção: Paulo Santana
Classificação: 16 anos
 (Veja o dia 24/07)


27/07 (Domingo)
TEATRO INFANTIL
11h - Curupira
In Bust Teatro com Bonecos
Direção: Anibal Pacha
Um menino protetor da floresta, de cabelos vermelhos e pés virados para trás que persegue quem causa danos às matas. Este caso de caçador é contado por três cantadores que utilizam paródias das toadas de boi e carimbó, apresentando personagens em bonecos naturalistas com manipulação de vara, bonecos máscara, mamulengo e outros mais. Classificação: Livre
MÚSICA
17h - Cizinho
Violonista, professor e compositor, Cizinho é um dos músicos mais respeitados do Pará. Neste show ao lado de seu grupo, pretende mostrar composições novas e a recriação de clássicos da MPB instrumental.
TEATRO
19h - Mansos da terra
Grupo Palha
Direção: Paulo Santana
Classificação: 16 anos
 (Veja o dia 24/07)


29/07 (Terça-feira)
LITERATURA
19h - “Quem é vivo sempre aparece...” com Alcir Santos e Evanildo Mercês
Contos fantásticos da capital e do interior, narrativas do imaginário fantástico assombroso com base na obra “Visagens e Assombrações de Belém” de Walcyr Monteiro... vai ser de morrer!!!
Classificação: 14 anos


30/07 (Quarta-feira)
MÚSICA
19h - Alfredo Reis
Compositor que já venceu mais de 30 festivais de música em todo o País, Alfredo Reis também é dono de uma das vozes mais marcantes de nosso Estado. Fará um apanhado geral de tudo que já produziu em uma longa e bem sucedida carreira.


31/07 (Quinta-feira)
MÚSICA
19h - Ellen Oleria
Conhecida por ter uma “voz que cura”, é cercada de muitos outros adjetivos que condizem com a voz forte e postura poderosa, conquistando as pessoas por onde quer que passe. A cantora brasiliense apresenta show com músicas de seu primeiro álbum, que teve mais de 15 mil cópias vendidas. Canções cheias de swing não poderiam ficar de fora do repertório, como é o caso das já famosas “Não-Lugar” e “Testando”.


01/08 (Sexta-feira)
MÚSICA
19h - Carlos Henry e Nego Nelson

Parceiros há mais de trinta anos, Carlos Henry e Nego Nelson apresentam o show Meio a Meio, baseado no disco “Gerações” que Henry lançou em 1981. O álbum acaba de ser relançado em CD e Henry veio de São Paulo para apresentá-lo em Belém.

19 comentários:

  1. queria tanto ver o teatro hoje :(

    ResponderExcluir
  2. SÓ COISA BOA PARA CURTIR DEPOIS DA CHUVA NOTURNA.

    ResponderExcluir
  3. FOI 10 !

    Joanna Di Ângelis e Tynnôko Costa fizeram tributo aos Beatles no Sesc Boulevard hoje.


    Karina Tavares.

    ResponderExcluir
  4. Lugares como Sesc Boulevard, deveriam ter uma divulgação maior, pois só tem programações boas e para todos os gostos e estilos. PARABÉNS PELA ORGANIZAÇÃO."A CULTURA AGRADECE".

    ResponderExcluir
  5. Parabéns a toda equipe de colaboradores, sobretudo aquele que estão pelos bastidores dos espetáculos do Sesc Boulevard Belém e por permitirem e proporcionarem essa gama de possibilidades artisticas ao público paraense...... Vejo que a cada mês a programação é recheada de arte contemporanea.. MÚSICA, TEATRO, CINEMA, nas suas mais diversas faces. Enfim, meus parabésn, continuem assim... Abraço

    ResponderExcluir
  6. Excelente programação! Prabéns.

    Nesse mês não teremos nenhuma oficina?

    ResponderExcluir
  7. Olá! Terão oficinas agora no mês de dezembro?

    Atenciosamente,

    ResponderExcluir
  8. Para o teatro precisa pegar algum ingresso antecipado?

    ResponderExcluir
  9. é gratuita essas programações?

    ResponderExcluir
  10. E a programação de Janeiro? Alguém sabe me informar?

    ResponderExcluir
  11. A criação deste espaço de cultura e diversão é excelente. Parabéns!!!

    ResponderExcluir
  12. A programação está super interessante, como sempre o SESC mostrando a nata da cultura Paraense, parabens ao SESC e aos Paraenses que desfrutam desta magnifica programação.

    ResponderExcluir
  13. Show de Gigi Furtado está perfeito. Vale muito a pena conferir.

    ResponderExcluir
  14. Já estou viaciada com as programações do SESC que é tudo de bom antes de qualquer programação noturna em Belém. Parabéns equipe do SESC que está nos dando a oportunidade de conhecer os nossos valores musicais e artísticos.

    ResponderExcluir
  15. O show do Engole Cobra vai bombar no dia 10/07, espero todos lá!!

    ResponderExcluir
  16. a entrada é franca para todos os dias da programação ?

    ResponderExcluir
  17. Sim, as programações no sesc Boulevard são sempre gratuitas.

    ResponderExcluir
  18. A ELLEN OLERIA TEM UMA VOZ MARAVILHOSA.

    ResponderExcluir

Topo da Página ↑